domingo, 14 de dezembro de 2014

Chiara Cola: arte digital poliédrica em seda... e em outros materiais!

Chiara Cola é uma artista digital italiana que trabalha desde 2007 com impressão sobre seda, vídeos e design de acessórios:  seu trabalho é extremamente versátil e por isso pode ser aplicado à diversas disciplinas, valorizando cenografias, interiores, figurinos para teatro ou dança, até uma tenda de acampamento foi desenhada por Chiara, em um projeto especial para a famosa "FieldCandy" em 2014 (que eu acho maravilhosa!).


A tenda "Chadi", que significa "abraço" em grego,
montada no Parco degli Acqueodotti, Appia Antica - foto de Melissa McClaren

A famosa figurinista  italiana Milena Canonero (nominada 8 vezes para o Oscar, e vencedora, entre outras vezes com o filme "Maria Antonieta", da Sofia Coppola) selecionou Chiara para colaborar em dois filmes: "The Grand Budapest Hotel", de Wes Anderson, para o qual realizou a pesquisa de cores e criação de padrões de textura para os figurinos e "Last" Summer de Leonardo Guerra Seragnoli, com roteiro de Banana Yoshimoto, para os figurinos da atriz Rinko Kikuchi.


Foto © Ben Cook 2014 http://bencook.com/about

Foto © Ben Cook 2014 http://bencook.com/about

Chiara já colaborou para um projeto de dança contemporanea, onde seu trabalho enriqueceu o movimento dos corpos durante a coreografia através de seus figurinos com estampas digitais do evento "NU: S sobre moda e arquitetura paramétrica", organizado pelo Double Studio no Chiostro del Bramante em Roma.


Foto © Simona Santelli 2013

Foto © Simona Santelli 2013

Seu trabalho foi exposto na  A.I.Gallery um projeto em colaboração com a "Artisanal Intelligence" e "AltaRoma" em Roma e em Milão, com A.I.Remove no White Trade  Show em janeiro e fevereiro de 2013.


Chiara na montando a exposição no Progetto Esthia, foto © Simona Santelli 2012

Exposição apresentada no Progetto Esthia, , foto © Simona Santelli 2012

Em julho de 2013, Chiara foi selecionada para o workshop "Despir o corpo mítico" com o cenenógrafo e figurinista britânico David Curtis-Ring no festival PSA, em Pergine Spettacolo Aperto, em Pergine, Itália.

Desde julho de 2014 Chiara colabora como estrategista do mercado europeu  para o "Women for Action", uma organização norte-americana que produz conteúdo na internet  cujo objetivo é  promover a produção intelectual feminina e defender as mulheres ao redor do mundo.
Seu trabalho foi exposto em galerias de Itália, Reino Unido e EUA.


Chiara Cola

Algumas perguntas e respostas de Chiara sobre o seu trabalho.

Naturalmente gostaríamos de saber de onde vem toda essa inspiração para a maravilhosa produção de imagens. 
O ponto de partida é sempre uma ideia. Há anos investigo a vida secreta de lugares imaginários, amores secretos, vidas secretas de animais.
Eu diria que há sempre uma referência muito forte da natureza para as formas e cores, mas também da arquitetura.
Os universos de referência estética e cromática também se referem às imagens da minha infância, eu cresci na década de 80: séries de TV americana japoneses de mangá e vídeos musicais ... estes dois componentes são as fontes que alimentam todas as outras inspirações.

Chiara produz vídeos com histórias que inventa; me pergunto se as imagens dos seus lenços nascem já pensadas para serem "produtos", ou se são um produto secundário de uma produção mais ligada à sua narrativa poética. 
Tenho muitos projetos, todos registrados como patentes, criados independentemente do produto final, onde a tenda "Chadi" foi uma excessão por ser um projeto encomendado; neste caso pode acontecer ao contrário: imagens criadas para um projeto realizado sob comissão podem se transformar em impressões em tela de vídeo etc.

Com um uiverso criativo tão plástico, com quem ou com qual aplicação você gostaria de trabalhar?
Ah, existe um nome com o qual sonho trabalhar: o diretor Martin Scorsese. Seus filmes me influenciaram muito desde a infância, acho que são profundamente e educativos... adoraria colaborar para um filme de Tim Burton, em colaboração com a figurinista que trabalha sempre com ele, a Colleen Atwood.
Gostaria muito também de partecipar de um projeto para uma ópera.

E quais seriam outras possíveis aplicações ainda não realizadas do seu trabalho?
Duas outras aplicações que eu tenho pensado há algum tempo e que acho que poderiam ser aplicações maravilhosas são as seguintes: a primeira na arquitetura de interiores (sofás, cortinas, tapetes, papel de parede, etc.) e a segunda seria a realização de mosaicos para revestimento de piscinas. Eu acho que o cenário subaquático seria perfeito para alguns de meus desenhos que muitas vezes evocam paisagens marinhas. Se houver solicitações, eu estou pronta para iniciar !!!

Gostaria de dizer que a minha viagem ao Brasil em 2006 foi um grande impulso para continuar a minha ousadia artística e felicidade !!!

Mais sobre Chiara Cola:
Site: http://www.chiaracola.com/
Facebook: https://www.facebook.com/chiara.cola?fref=ts

A tenda assinada (somente 50 unidades!) pode ser comprada no site da empresa que a produz:
http://www.fieldcandy.com/news/article/64

Foto © Simona Santelli 2013

Para fechar o post, gostaria de dizer que Chiara Cola, como todos os artistas italianos, crescem literalmente no meio de uma herança cultural infinita e que gerou os maiores gênios do mundo ocidental. Chiara, em especial, nasceu e cresceu em Palestrina antes de ir estudar na universidade em Roma.

De brasileiros para brasileiros na Itália: reserve aqui a sua guia de turismo que fala português.

Nenhum comentário:

Postar um comentário